Tag: Colégio Progresso

Campeões de 2016 pintam cabelo de loiro na final; relembre

Promessa é dívida na Copa Mackenzie Metropolitana!

Na segunda edição do campeonato, os jogadores do Colégio Progresso levaram a competição a sério e prometeram descolorir o cabelo se eles fossem para a final de 2016. Confira:

E não é que o loiro deu sorte? O Progresso venceu o Colégio Tancredo Neves nos pênaltis por (3) 4 a 4 (2) e ficaram com o título do melhor campeonato de futebol society de São Paulo.

CAMPEÕES DA COPA 2016 RELEMBRAM MOMENTOS MARCANTES DO CAMPEONATO

A Copa 2016 deixou muitas lembranças inesquecíveis na memória de todos os times e até da equipe Metropolitana, mas imagina só as recordações dos grandes campeões do Colégio Progresso!

O zagueiro Luccas Alexandre, de 15 anos, falou para a Metropolitana que teve vários momentos inesquecíveis, mas o que mais o marcou foi a estréia do time. “Estavam todos muito felizes e ao mesmo tempo com um frio na barriga que chegava a ser angustiante. Todo mundo se apoiando e torcendo pelo outro, foi muito bom. Garantir a vitória nesse jogo com certeza o tornou o momento mais inesquecível!”, afirmou.

Já a grande recordação do meia Cauê Batista, de 16 anos, foi as quartas de final contra a escola Tenente Ariston. “Estávamos perdendo o jogo, acabou o primeiro tempo e com algumas palavras de alguns companheiros a gente voltou para o segundo tempo muito motivado a ganhar. Lembro que nos 10 primeiro minutos só deu a gente e então conseguimos virar o jogo e seguir a diante na Copa”, contou Cauê.

Para o centroavante Vinícius Telles, de 16 anos, o que mais marcou foi a primeira fase do mata-mata em que o time goleou o E. E. Mário Marques da Cruz por 8 à 1: “nesse jogo eu voltei de suspensão e a torcida adversária começou a me chamar de Xuxa só porque eu estava loiro. Então eu fiz 4 gols”.

O atacante, Lucas Pizarro, de 17 anos, contou que mesmo não jogando ele acompanhará de perto o colégio Educacional Progresso. “A Copa Metropolitana 2016 proporcionou momentos inesquecíveis para todos. E, para mim, três momentos em especial: meu primeiro gol logo na estreia do campeonato, quando fui eleito o melhor da partida e o último jogo onde ganhamos nos pênaltis e levantamos a taça. Com certeza jogar em um campeonato como esse é um aprendizado que levamos para toda a vida, e quero poder compartilhar esse sentimento com o novo time desse ano. Bom, como esse ano comecei a faculdade de Educação Física, me coloquei à disposição para ajudar o time do Colégio Progresso. Quero aproveitar ao máximo essa experiência de poder orientar os meninos, junto com o técnico João. Tenho certeza que temos grandes chances de vencer o campeonato novamente, e o time treinará muito para essa vitória.”


Ainda não inscreveu seu colégio na Copa Metropolitana 2017? Então não perde mais tempo, e tenha memórias incríveis no maior campeonato intercolegial de futebol society de São Paulo.